Idade Maior

Sabe quem é o Juanito Camiñante?

Continua a andar apesar de ter nascido em 1820. Conheça a história da Johnnie Walker, a marca líder mundial de blended whisky.


Como o próprio nome sugere,  blends trata-se de uma mistura de grain com malt.  Ou seja, ao inventarem o grain não puseram o malt de lado. Pelo contrário, adicionavam-no em pequenas quantidades à base de ?grão?, permitindo assim diferenciar cada marca de blended com base nos single malts que entram na sua composição.

Embora de menor expressão em Portugal, a Johnnie Walker é líder mundial de  blends com mais de 90 milhões de garrafas/ano. A proeza começou 200 anos atrás com John Walker, nascido em 1805.  Ao herdar de seu pai a quantia de £417.00, investiu tudo numa loja de wine & spirits em Kilmarnock. Mas foi o seu filho, Alexandre, que desenvolveu a arte de blending a partir da sua experiência prévia como tea blender. Em A garrafa quadrada foi introduzida em 1870, mas foi só em 1908 que o nome Johnnie Walker foi registado como marca e o famoso striding man ou Juanito camiñante foi concebido por Tom Brown, bem como a assinatura que iria suportar o desenvolvimento da marca nos 80 anos seguintes: Born 1820. Still going strong.

O expoente máximo da gama Johnnie Walker é o Label?Blue! Obtido a partir do blending de 15 Maltes diferentes, o seu responsável, Jim Beveridge, anuncia que não se trata de um whisky para principiantes dados os seus aromas poderosos e fumados que literalmente ?explodem? na boca logo depois de uma ?aterragem suave?. Feito à semelhança dos blends de Alexander no século XIX, Jim aconselha a que o Blue seja bebido de uma forma assaz curiosa: prepare primeiro a boca com água bastante fria, logo seguida do whisky. Uma boa receita para ver a vida mais Blue?